18

out

2016

Teatro interativo e oficinas de fotografia promoveram a sensibilização ambiental de adultos e crianças na Fazenda São Nicolau e nas escolas de comunidades vizinhas

Por forest

O Programa de Educação Ambiental (PEA) da ONF Brasil envolveu 825 participantes de comunidades locais em atividades de conscientização durante o mês de setembro. A interação social e a divulgação do conhecimento científico gerado na Fazenda São Nicolau (Cotriguaçu, MT) são o objetivo do evento anual, que existe desde 2002. A iniciativa de 2016 se voltou para as escolas rurais, atendendo estudantes, professores, profissionais da saúde e agricultores.

O tema central da sensibilização foi a prevenção das queimadas. A equipe multidisciplinar – formada por engenheiros de produção e florestal, fotógrafo, agricultora, pedagoga e atrizes – abordou questões como as práticas agroecológicas e agroflorestais, ferramentas alternativas ao uso do fogo, técnicas de plantio e combate ao desmatamento. Além das escolas de Cotriguaçu, participaram das atividades estudantes de Japuranã (distrito de Nova Bandeirante) e agricultores da comunidade Santa Clara e Nova União (Cotriguaçu).

pea-1

Peça teatral resgata a cultura popular (Foto: Henrique Santian)

A equipe do programa trouxe novidades para a edição deste ano com a peça de teatro “A Benzeção da Terra” e a oficina de fotografia “Olhares perceptivos, a fotografia como ferramenta da educação Ambiental”. A Companhia Alegrís apresentou três vezes a peça interativa, que resgata brincadeiras e saberes populares, convidando o público a plantar um canteiro agroflorestal tendo pessoas representando as plantas. Por sua vez, a oficina de fotografia com o Henrique Santian reuniu 34 participantes em duas turmas nas escolas do centro de Cotriguaçu.

A Fazenda Nicolau recebeu quase 100 participantes – entre estudantes, profissionais da educação e saúde – para trilhas sensoriais, atividades de fotografia, visita à Área de Preservação Permanente do rio Juruena, ao viveiro e à composteira. Também houve o plantio de um canteiro agroflorestal de 12 metros com mais de 50 espécies de plantas. Ao total os canteiros da São Nicolau e das escolas compreenderem 80 m² (ou 80 m x 1 m).

pea-2

Crianças participam de trilha sensorial na Fazenda São Nicolau (Foto: Henrique Santian)

A metodologia do Programa de Educação Ambiental estimula a voz ativa das crianças e participantes, buscando os conhecimentos cotidianos que resultam da experiência diária dos seres humanos. Segundo a coordenadora do PEA, Lótus Reuben, “houve um rico intercâmbio Intergeracional, possibilitando a interação de jovens e crianças com as pessoas mais experientes, que conhecem muito sobre a floresta. Povos que, por meio do trabalho com produtos da sociobiodiversidade, preservam e valorizam os produtos da floresta”. Durante a programação os profissionais da equipe consideram todos como aprendizes e mestres, valorizando a educação democrática, os pensamentos de Paulo Freire e os princípios da Antroposofia, método holístico que reúne o conhecimento científico e a arte.

Comentários

Envie-nos uma mensagem

Envie-nos uma mensagem ENVIAR

ONF Brasil

(65) 3644 7787

contato@onfbrasil.com.br

Fazenda São Nicolau, Cotriguaçu - MT

Treepixel Agência Digital Forest Comunicação